Quinta-feira, Abril 18, 2024

Entrevistas

A conversation with Henry Kissinger

Over two days in late April 2023, The Economist spent over eight hours in conversation with Dr Kissinger. Just weeks before his 100th birthday, the former secretary of state and national security adviser laid out his concerns about the risks of great power conflict and offered solutions for how to avoid it. This is a transcript of the conversation, lightly edited for clarity.

“Tornar o turismo sustentável é essencial para a viabilidade desta indústria”

Entrevista a Jorge Costa, Vice-Presidente do Conselho de Administração da Visabeira Turismo, Imobiliária e Serviços SGPS, SA
É essencial minimizar os impactos ambientais, manter uma relação activa com a comunidade e procurar maior transparência e equidade.

“Angola tem planos muito ambiciosos para fazer das energias renováveis um sector cada vez mais competitivo”

Miguel Artacho, International Conference Director of Angola Oil and Gas 2022
Luanda acolheu, de 29 de Novembro a 1 de Dezembro passado, a 3.ª edição do Angola Oil&Gas (AOG2022), que juntou mais de 1000 delegados nacionais e internacionais e colocou Angola no mapa energético mundial durante três dias.

“Seria muito fácil resolver-se o problema da reinserção em Portugal”

Entrevista a Duarte Fonseca, Director Executivo da RESHAPE
Mudar a legislação prisional em Portugal e lutar por um mundo onde a reinserção é a regra e não a excepção são os “mantras” de Duarte Fonseca, director executivo da RESHAPE, associação que co-fundou em 2015, mas que começou a desenhar assim que acabou o curso de terapia ocupacional.

“Os ares são outros! Podemos olhar para a frente!”

Entrevista a Marta Suplicy, Secretária de Relações Internacionais da Prefeitura de São Paulo
Após a realização de um dos maiores eventos do mundo para promoção dos Objectivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), em conjunto com a ONU em Julho do ano passado, Marta Suplicy referiu que a sua secretaria tem as alterações climáticas no topo das prioridades e em entrevista à PRÉMIO explicou algumas das iniciativas inovadoras que estão a ser levadas a cabo no âmbito da “Virada ODS”.

“É preciso saltar do muro, assumir compromissos e gritá-los”

Entrevista Sofia Duff Burnay, Chief Sustainability Officer da CV&A
Dada a importância do ESG (Environmental, Social and Corporate Governance) nas organizações e atenta às mudanças no perfil dos consumidores e clientes, a CV&A está a adoptar boas práticas como parte do dia-a-dia. Sofia Duff Burnay, Chief Sustainability Officer da CV&A, fala-nos da importância da sustentabilidade no mundo corporativo e da recente adesão da consultora ao United Nations Global Compact Network Portugal e ao Business Council for Sustainable Development (BCSD-Portugal).

“Nenhum livro nasce da mesma maneira. Em todo o caso, o mais importante é sempre encontrar a voz certa para contar aquela...

Entrevista José Eduardo Agualusa, Escritor
José Eduardo Agualusa acaba de receber o grande prémio de crónica e dispersos literários, atribuído pela Associação Portuguesa de Escritores, com o livro “O Mais Belo Fim do Mundo”, que reúne crónicas, contos e notas diarísticas, escritos entre 2018 e 2021 na revista Visão, na Granta e no jornal brasileiro o Globo. Em entrevista à PRÉMIO, o escritor angolano fala do seu novo projecto literário, uma espécie de biografia que diz ser também um ensaio sobre a história recente de Angola.

“A arte é um passaporte para se entender a vida”

Entrevista Rui Massena, Maestro, Compositor
Maestro, compositor, Rui Massena é um nome incontornável no mundo da música em Portugal. com 22 anos de carreira, e depois de ter apresentado vários projectos a solo, diz-se pronto para voltar à direcção de orquestra. “Ainda vai chegar o meu momento de assumir novamente um projecto de direcção de orquestras”, para isso não exclui uma ida para o estrangeiro, agora que os filhos já estão crescidos. Rui Massena diz que acima de tudo quer continuar a desafiar-se e a viver, longe da amargura que muitas vezes acompanha os músicos.

“Mais importante do que o exercício da escrita, no caso de Moçambique, é a disponibilidade para a conversa”

Entrevista Mia Couto, Escritor
Depois do livro, “o caçador de elefantes invisíveis”, uma coletânea de contos publicada há menos de um ano (em outubro de 2021), mia couto regressa ao romance histórico, numa narrativa que recua ao período que antecedeu a participação de Portugal na primeira guerra (1914). Em entrevista à PRÉMIO, o escritor e biólogo moçambicano, prémio Craveirinha no ano em que se comemorou o centenário do nascimento do poeta, fala-nos deste seu novo projecto literário, recorda como foi ficar sem o “chão” do seu último romance depois da passagem do ciclone idai e da necessidade de construir um espaço de partilha com o “escutador” para que as histórias valham a pena contar.

Vitor Ramalho: A importância do Legado

Entrevista a Vitor Ramalho, Secretário Geral da UCCLA
Diz com um sorriso nos lábios e os olhos a brilhar: “Orgulho-me muito de por onde passei ter deixado marca. E posso dizer-lho porque vou fazer 74 anos e não tenho rigorosamente nada mais a apresentar senão aquilo que eu fiz na vida”. E a vida é recheada de cargos e atitudes de verdadeiro serviço público. Vitor Ramalho tem de facto razões para se orgulhar: desde os seus cargos políticos até ao seu contributo para a paz em Moçambique e em Angola, passando pela reestruturação da INATEL muitas marcas mostram o seu legado. Agora como presidente na UCCLA é um dinamizador cultural incansável. Altura de fazer uma entrevista sobre isso e muito mais.

Artigos recentes | Recent articles

Um país na flor da idade

Nos últimos 20 anos Angola sofreu inúmeras transformações, desde a mais simples até à mais complexa. Realizou quatro eleições legislativas, participou pela primeira vez numa fase final de um campeonato do mundo, realizou o CAN e colocou um satélite em órbita.

David Cameron

David Cameron foi Primeiro-Ministro do Reino Unido entre 2010 e 2016, liderando o primeiro Governo de coligação britânico em quase 70 anos e, nas eleições gerais de 2015, formando o primeiro Governo de maioria conservadora no Reino Unido em mais de duas décadas.

Cameron chegou ao poder em 2010, num momento de crise económica e com um desafio fiscal sem precedentes. Sob a sua liderança, a economia do Reino Unido transformou-se. O défice foi reduzido em mais de dois terços, foram criadas um milhão de empresas e um número recorde de postos de trabalho, tornando-se a Grã-Bretanha a economia avançada com o crescimento mais rápido do mundo.

Conferências com chancela CV&A

Ao longo de duas décadas, a CV&A tem vindo a promover conferências de relevo e interesse nacional, com a presença de diversos ex-chefes de Estado e de Governo e dirigentes políticos de influência mundial.
- Advertisement -